Acessos

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Vem ouvir: “I Got It”o novo single de Charli XCX com Pabllo Vittar


EITA!!! Vazou nesta terça-feira (12/12) a música “I Got It”, parceria entre Charli XCX, Pabllo Vittar, Brooke Candy e CupcakKe. A faixa é uma das que estarão na nova mixtape de Charli, que tem lançamento oficial previsto para sexta-feira (15/12). Não sei vocês, mas nós amamos demais! Pabllo representando a cena drag nacional mundo afora!


sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Técnica promete corrigir desvios de coluna e alivia dor nas costas

A coluna é formada por ossos e vértebras empilhadas. Uma má postura pode causar problemas graves e muita dor.
Nesta publicação vamos ensinar a corrigir desvios e reduzir a dor de maneira fácil e rápida, mas ressaltamos que qualquer exercício dever ser acompanhado por um profissional e recomendamos que procure um médico especialista antes de realizar qualquer tipo de atividade. Antes de aprender o exercício, vamos conhecer um pouco mais sobre a coluna.

Existem 4 regiões da coluna:
Cervical, ou pescoço, que tem 7 vértebras cervicais;
Peito, ou tronco, com doze vértebras;
Costas, com cinco vértebras;
Quadril com também 5 vértebras;
Sem contar as que se encontram fundidas e formam o sacro e as quatro coccígeas.

A função da coluna cervical é suportar o peso da cabeça. Essa região tem maior capacidade de movimento, já que possui a função de movimentar o crânio. Com formato de anel, essas vértebras são as menores e conhecidas como “Atlas”. A curva do pescoço se chama curva lordótica e se assemelha à um C invertido. Já a coluna torácica, tem a função de proteger os órgãos da região do tórax, como pulmão e coração. A caixa torácica contém 12 vértebras com um nervo unindo a cada lado. A caixa torácica pode realizar vários movimentos.

A coluna lombar tem cinco vértebras maiores do que as do peito, alinhadas em formato de C como a coluna cervical, formando uma lordose lombar normal. Agora que já conhece mais sobre sua coluna vertebral, vamos ensinar um exercício para corrigir desvios na coluna e eliminar as dores nas costas.

Confira esse vídeo explicativo:


Após assistir esse vídeo, confira os passos do exercício:
1 – Deite no solo com o ventre para cima, dobrando o joelho e fazendo com que seus pés fiquem firmes no solo.
2 – Respire profundamente, sentindo que a coluna está sendo influenciada pelo movimento da respiração.
3 – Ponha o pé direito no chão e suba a outra perna lentamente com ajuda de uma faixa ou cinta.
4 – Mantenha a faixa por um longo tempo para cima e incline a cabeça lentamente, mas sem soltar a faixa.
5 – Fique nessa posição por 5 minutos, depois troque de perna e repita o procedimento.
Reiteramos que é necessário consultar um médico especialista antes de realizar esse exercício. Sempre é importante o acompanhamento de um profissional para realizar qualquer tipo de atividade.

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

COMO CONTROLAR OS NÍVEIS DE AÇÚCAR NO SANGUE


Sabemos que muitos alimentos aumentam o nível de açúcar no sangue.
O resultado disso é a queda da imunidade e o surgimento de muitos problemas de saúde.
Felizmente, podemos consertar a situação com uma dieta mais equilibrada.
Confira uma lista de dez alimentos que indicamos para reduzir o excesso de açúcar do sangue:
1. Manteiga/pasta de amendoim
Não tem o hábito de consumir?
Pois saiba que a manteiga de amendoim reduz os níveis de açúcar no sangue após as refeições.
É uma excelente dica para quem sofre com diabetes – ainda melhor do que o próprio amendoim.
A pasta é rica em óleos de fibra e proteínas saudáveis.
Só um detalhe: coma com moderação.
2. Vinho tinto
O vinho tinto ajuda a evitar que os intestinos absorvam glicose, reduzindo assim os níveis de açúcar no sangue.
É importante que não seja consumido em excesso.
Embora seja saudável, pvai se tornar prejudicial se não houver controle.
3. Vinagre de maçã
Este ingrediente é muito bom para evitar os picos de açúcar no sangue e melhorar a sensibilidade à insulina.
Os resultados são relevantes para os diabéticos e pré-diabéticos.
Basta adicionar uma ou duas colheres (sopa) de vinagre em um copo de água e beber antes da refeição.
Outra maneira de incluir vinagre de maçã em sua dieta é colocar um pouco em molhos e sopas.
Além disso, você pode misturá-lo com um pouco de azeite e usá-lo como um molho de salada.
4. Limão
Você pode beber suco de limão após uma refeição.
Isso reduz o nível de glicose no sangue.
Outra opção é espremer limão na salada, na água ou no peixe.
5. Ovos
Comer dois ovos no café da manhã, diariamente, ajuda a perder peso porque dá uma sensação de saciedade.
Com o apetite controlado, evitamos muitos alimentos adocicados.
Portanto, é uma ótima estratégia.
6. Chocolate amargo
Sim!, chocolate está liberado, desde que seja amargo, puro, a partir de 75% de cacau.
Ele ajuda a controlar o açúcar e aumenta a sensibilidade à insulina.
E tem mais, viu?
Você pode reduzir a pressão alta e melhorar o fluxo de sangue na corrente sanguínea.
Mas atenção: nada de exageros, pois tem muitas calorias.
7. Cebola
Não é todo mundo que gosta de cebola, mas ela é extremamente saudável.
Além de possuir propriedades antimicrobianas, evita diabetes, infecções, bactérias e vírus.
Um estudo testou a mistura de extrato de cebola em ratos.
Resultado?
Os níveis de açúcar diminuíram bastante.
Agora precisa-se de mais pesquisas para provar esses efeitos nas pessoas.
8. Estévia
Este é um substituto saudável para o açúcar, o que impede os picos de glicose no sangue.
Portanto, é adequado para pessoas com diabetes.
Você pode mastigar algumas folhas de estévia fresca para reduzir seus desejos de açúcar ou usá-las como adoçante natural em vez de açúcar.
9. Aveia
Contém fibras e uma grande quantidade de nutrientes, como magnésio, ácido fólico e ômega-3 em seus componentes.
Além disso, contém componentes químicos de natureza vegetal, como lignanas e flavonoides, que contribuem para a prevenção de várias doenças crônicas, como hipertensão, colesterol alto e diabetes.
O consumo de aveia é, portanto, muito importante para prevenir e controlar o diabetes.
10. Alho
O alho pode diminuir os níveis de glicose no sangue em pessoas com diabetes tipo 2.
Portanto, é um bom pedido para suas refeições.

Este xarope caseiro derrete a gordura, desincha todo o corpo e ainda melhora a memória!


Sempre estamos em busca de receitas naturais que sejam capazes de contribuir de verdade para o emagrecimento saudável dos nossos leitores.
E hoje estamos trazendo mais uma excelente receita.
É um superxarope estimulante do metabolismo e maravilhoso para secar o abdome e desinchar todo o corpo.
Um dos seus ingredientes é o limão, poderosa fruta alcalina e desintoxicante.
Ele acelera o metabolismo e é rico em vitamina C, nutriente muito importante para deixar o organismos mais resistente a doenças.
O nabo, outro ingrediente, é um alimento regulador do apetite e também um forte desintoxicante do organismo.
Ele também é rico em vitamina C, que, como vimos, controla os radicais livres nocivos e melhora a imunidade.
O nabo ainda é fonte de dois aminoácidos essenciais: lisina, que pode ajudar a prevenir e tratar o herpes; e triptofano, que pode ajudar a aliviar a ansiedade, a depressão e a insônia.
Além disso, o nabo é pouco calórico, diurético e ajuda a desinchar e a fazer com que o corpo não retenha líquido.
A canela acelera o metabolismo, combatendo a obesidade.
Ela é muito indicada para os diabéticos por regular os níveis de açúcar do organismo.
Também ajuda a impedir a formação de células de cancerosas, combate infecções intestinais e é muito boa para a desintoxicação de todo o organismo.
E finalmente o gengibre também ajuda a acelerar o metabolismo.
Ele  é perfeito para a desintoxicação do organismo, além de ser um poderoso anti-inflamatório, anticoagulante, antioxidante e bactericida.
O gengibre ainda apresenta propriedades terapêuticas sobre o sistema digestivo, pois estimula a liberação de enzimas que promovem o esvaziamento do estômago.
E vários estudos demonstraram seu potencial para normalizar o colesterol e para prevenir e combater tumores.
Como fazer o xarope:
INGREDIENTES
150g de nabo
O suco de 4 limões (espremidos na hora)
3cm de gengibre fresco
1 colher (sopa) de tomilho ou orégano
3 colheres (sopa) de mel
2 colheres (sopa) de canela em pó
MODO DE PREPARO
Corte em pequenos pedaços o nabo e  gengibre.
Coloque no liquidificador, adicione o suco de limão e o tomilho (ou orégano) e bata por três minutos.
Em seguida, adicione a canela e mel e bata de novo até ficar bem misturado.
Transfira para uma jarra de vidro e consuma 1 colher (chá) duas vezes por dia, antes das refeições.
Consuma o xarope durante três semanas.
Se quiser tomar por mais três, é preciso dar um intervalo de três semanas antes de recomeçar.
Conserve na geladeira.
Este xarope é também um ótimo tônico cerebral e ajuda a fortalecer a memória.
Mas os hipertensos devido à canela e ao gengibre, e por precaução, não devem consumi-lo.




COMO MANTER SUA CASA LIVRE DE INSETOS DE GRAÇA COM CITRONELA


O incômodo provocado pelos mosquitos pode ser resolvido de forma simples e com soluções caseiras, aproveitando as propriedades da citronela. Essa planta aromática, uma gramínea perene originária do sudoeste da Ásia, já se tornou comum em Santa Catarina. As folhas fornecem um óleo essencial utilizado na fabricação de repelentes, aromatizadores de ambientes, detergentes, perfumes, sabonetes, cremes e outros cosméticos.
A planta repele mosquitos, borrachudos, traças e formigas. O óleo essencial tem efeito repelente sobre o Aedes aegypti (transmissor da dengue) e também sobre mosquitos como o Anopheles dirus e o Culex quinquefasciatus. Alguns pesquisadores afirmam que o óleo de citronela afasta também besouros, baratas e fungos.
Essa ação se deve a substâncias como o citronelal, o geraniol e o limoneno, presentes no óleo. “A detecção da citronela é ativada pelas proteínas dos poros do inseto, conhecidas como canais de receptores transientes de potencial. Quando esses receptores moleculares são ativados, enviam mensagens químicas ao cérebro do inseto, resultando em uma reação de aversão”, explica Antonio Amaury Silva Junior, pesquisador da Epagri/Estação Experimental de Itajaí.

Para fazer em casa
Não é preciso gastar dinheiro para aproveitar os benefícios dessa planta. Soluções simples e ecológicas podem ser adotadas sem sair de casa:

- Para afastar mosquitos em ambientes fechados, colha duas ou três folhas, corte-as em pequenos pedaços com uma tesoura e coloque-os em pires. Distribua os recipientes pelos ambientes da casa para espalhar a essência.
- Deixe macerar 200g de folhas secas e rasuradas de citronela em 1L de álcool com concentração de 70% durante 10 dias em um frasco tampado e escuro. A cada dois dias, agite a mistura. Após a maceração, passe o líquido por um filtro de papel ou pano limpo e o acondicione em um recipiente hermético. O produto, que tem validade de 2 anos, pode ser usado em pulverizadores domésticos, velas aromáticas, tochas para pescaria, difusores, cremes dermatológicos, sachês e pout-porris.
- Mantenha uma muda em um vaso dentro de casa e, sempre que quiser, corte um pedaço de uma das folhas para que a essência se espalhe mais.
- Para evitar picadas de mosquitos, amasse e esfregue uma folha de citronela nos braços e nas pernas.
- Ferva algumas folhas e faça uma espécie de chá para usar na limpeza de pisos.
- As folhas podem ser queimadas em incensórios domésticos ou utilizadas em difusores elétricos.
- A espécie é eficiente para evitar a erosão e pode ser plantada em encostas, barrancos, valas de drenagem, margens de rios e lagoas e em áreas ciliares.
Onde encontrar
Parente do capim-limão, a citronela cresce espontaneamente em clareiras, à beira de rios e em locais úmidos. Em Santa Catarina, é encontrada em várias propriedades rurais e pode ser cultivada no litoral, no Vale do Itajaí e no Extremo Oeste. Ela tolera os solos muito argilosos e mal drenados, não encharcados, mas não resiste a geadas. A espécie raramente floresce no Estado e, mesmo assim, as sementes não são férteis, por isso a multiplicação deve ser feita a partir da divisão de touceiras.

Aqui em Limeira é possível adquirir a planta no:

Viveiro Municipal de Limeira:
Rua Prof. Nestor Martins Lino, 206, Vila Santa Lucia,
Telefone: (19) 3442-9628.
ou
Horto Florestal de Limeira:
Via Jurandir Paixão de Campos Freire, Km 3,5 ? Bairro do Tatu,
Telefone: (19) 3442-2775. 

Procure na Prefeitura de sua cidade, é de graça.

POSH NYE FESTIVAL PROMO SET BY DJ KARL KAY


O DJ FRANCÊS KARL KAY ESTÁ GANHANDO DESTAQUE NO MUNDO TODO,
CONHEÇO O TRABALHO DELE A UM CERTO TEMPO PELO INSTAGRAM, 
HOJE O ASTRO LIBEROU SEU NOVO SET PROMO POSH NYE E O RESULTADO É INCRÍVEL.
COM SEU TRIBAL E PROGRESSIVE ELE LEVA UMA VIBE INCRÍVEL POR ONDE PASSA, ALÉM DE SER RESIDENTE DE GRANDES CASAS NOTURNAS COMO SEXY PARTY COLOGNE, GRAND HÓTEL PARTY, PRÉSIDENT PARTY, EUPHORIA DUBLIN, GIBUS CLUB PARIS.
A INTRO DO SET JÁ SE NOTA UMA PEGADA LATINA COM CERTEZA
VAI CONQUISTAR O PÚBLICO BRASILEIRO. DÊ UM PLAY E SINTA ESSA ENERGIA.



GOSTOU NÃO É MESMO? AGORA SÓ NOS RESTA AGUARDAR UMA TOUR PELO PAÍS.
QUER CONHECER MAIS SOBRE A CARREIRA DE DJ KARL KAY? ENTÃO SEGUE NAS REDES SOCIAIS:


quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

NA COZINHA: DRINK AFRODISÍACO CAIPIVINHO


A receita é rápida e fica uma delicia, principalmente para os amantes de vinho.
Além de levar mais requinte e beleza a sua mesa.
Caipirinha é o que não falta, percebeu?
E tem até dica com vinho branco pra quem gosta!

Ingredientes

10 uvas verdes sem sementes cortadas ao meio

2 colheres de sopa de açúcar

3 doses de vinho branco gelado

2 folhas de hortelã

Modo de preparo 

Primeiro macere as uvas com o açúcar em um copo. Depois adicione o vinho e o gelo. Finalize com as folhas de hortelãs amassadas e misture.

Kefir: um aliado da saúde e do emagrecimento


Você provavelmente já ouviu falar do Kefir, mas sabe do que se trata, como utilizar corretamente e quais efeitos ele pode causar no seu corpo? Para sanar essas e outras dúvidas, a nutricionista Melissa Santos, deu dicas e informações esclarecedoras sobre a “planta de iogurte”.

O QUE É

“O Kefir é um probiótico natural; em outras palavras, trata-se de um agrupamento natural de microorganismos vivos que, quando administrados em quantidades e formas corretas, auxiliam no equilíbrio bacteriano intestinal”, explica a nutricionista. Também conhecido como cogumelo tibetano ou planta, flor e cogumelo de iogurte, o Kefir é composto de pequenos grãos gelatinosos, de coloração amarelada ou branca.

BENEFÍCIOS

De acordo com Melissa Santos, o Kefir auxilia no emagrecimento, pois, além de ter um baixo valor calórico, é rico em proteínas e ajuda na absorção de nutrientes, o que aumenta a sensação de saciedade. A “flor de iogurte” também é uma ótima aliada no fortalecimento do sistema imunológico, na prevenção de doenças como a osteoporose, inflamações intestinais e no combate à gastrite.

COMO CULTIVAR E CONSUMIR

Para cultivar, coloque, em um recipiente de vidro, uma colher de sopa de grãos de Kefir e 500 ml de leite fresco de sua preferência (desnatado, semidesnatado ou integral) e deixe o conteúdo em temperatura ambiente por, no mínimo, 24 horas, tampado apenas com um pano ou um guardanapo. Após o tempo recomendado, coe o leite e reserve os grãos de Kefir. O leite, que agora é chamado de “iogurte de Kefir”, já pode ser consumido. Os grãos reservados devem ser adicionados novamente ao leite fresco para produzir mais iogurte para o dia seguinte.
Segundo a nutricionista, ele deve ser consumido apenas uma vez ao dia, pois a ingestão excessiva pode desregular o funcionamento do intestino, chegando a causar dores abdominais. “Ele pode ser tomado no café da manhã ou num lanche da tarde, por exemplo. Para que o sabor fique mais agradável, é possível adoçar com açúcar de coco orgânico ou adicionar frutas”, recomenda.

OPÇÃO SEM LEITE

Quem tem intolerância à lactose pode substituir o leite por água comum com açúcar demerara ou mascavo, ou até mesmo por água de coco. O processo de produção do “iogurte” é exatamente o mesmo do recomendado acima.

ONDE CONSEGUIR

Os grãos de Kefir normalmente são doados por amigos, familiares, vizinhos ou colegas de trabalho. No entanto, para quem não tem com quem conseguir a ”planta de iogurte”, o site Probióticos do Brasil criou uma lista de doadores de Kefir. Na tabela, é possível selecionar o seu estado e procurar o nome de sua cidade e bairro. Depois disso, é só entrar em contato com o doador escolhido, por telefone ou email.

Conheça 6 alimentos que são aliados da saúde do cérebro


O cérebro é um órgão de suma importância para o corpo humano e uma alimentação saudável é fundamental para mantê-lo em bom funcionamento. Da mesma forma, sabe-se que a alimentação equilibrada pode diminuir o risco de doenças que comprometem a qualidade de vida.
Para que o cérebro cumpra o seu papel, é indicado o consumo dos nutrientes corretos. Alguns alimentos apresentam uma concentração nutricional mais favorável ao órgão e, se consumidos de forma equilibrada, podem colaborar para funções como memória, concentração e sensação de bem-estar.
A nutricionista Beatriz Botequio recomenda os nutrientes que podem favorecer a função cerebral:

1. Carboidratos: a principal fonte de energia para o cérebro é a glicose, obtida a partir do consumo de alimentos fontes de carboidrato como: pães, massas, cereais, frutas e hortaliças. Esse nutriente deve fazer parte de um cardápio equilibrado, e a sua exclusão da dieta pode trazer prejuízos à saúde.
2. Ômega-3: é um ácido graxo poli-insaturado encontrado nos peixes, como sardinha, atum e salmão e na semente de linhaça. O ômega-3 está presente nas membranas das células e é fundamental para a função cerebral. A sua deficiência pode aumentar o risco para transtornos de déficit de atenção, demência e depressão, além de prejudicar a memória.
3. Antioxidantes: os alimentos com ação antioxidante, ou seja, que ajudam a combater os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento das células, também são aliados do cérebro. Eles estão presentes nos óleos vegetais, vegetais verdes escuros, limão, laranja e frutas vermelhas.
4. Probióticos e prebióticos: a importância do consumo de alimentos pro e prebióticos pode ser explicada pela estreita ligação entre o cérebro e o intestino. Esse tipo de nutriente melhora a saúde do intestino e promove benefícios ao funcionamento cerebral. Chicória, alcachofra, cereais, leite, mel e suplementos específicos são fontes de probióticos e prebióticos.
5. Cafeína: substância presente no café e chá verde. A cafeína contribui para o aumento da concentração e do estado de alerta.
6. Triptofano: este aminoácido essencial é precursor da serotonina, hormônio que regula o humor e melhora a sensação de bem-estar. O triptofano é encontrado no cacau, aveia, arroz integral, levedo de cerveja, castanhas e leguminosas.

Estudante cria creme capaz de remover tatuagens sem dor


Já ouvimos diversas histórias de pessoas que fizeram tatuagens e se arrependeram. Atualmente, para se desfazer da arte é preciso passar por diversas seções de laser, que além de doloroso, em algumas cores ele não tem grande eficácia.
Porém, Alec Falkenham, que cursa Patologia na Universidade de Dalhousie afirma ter desenvolvido um creme que remove as tatuagens indesejadas.
Segundo Falkenham, o produto batizado com o nome científico de Bisphosphonate Liposomal Tattoo Removal (BLTR), foi desenvolvido assim que o estudante fez sua primeira tatuagem. De acordo com ele, a ideia surgiu por cogitar se arrepender no futuro.
O BLTR age diretamente nas células chamadas de macrófagos, responsáveis por absorverem o pigmento das tintas, estimulando o corpo a produzir mais macrófagos no lugar onde estavam os da tatuagem.
O produto ainda está em fase de teste e não há previsão de quando será comercializado.

Descubra qual é o melhor pente para o seu tipo de cabelo


Cada tipo de cabelo precisa de uma forma diferente de cuidado, ainda mais na hora de pentear. Afinal, é preciso saber qual pente deve ser usado para que os fios não fiquem danificados. Você pode até achar bobeira, mas é realmente importante que as madeixas sejam penteadas da forma correta. Para você não errar mais na hora de passar o pente, separamos quais devem ser utilizados dependendo do tipo da sua cabeleira:

LISOS E FINOS

Se seu cabelo é liso e fino o pente ideal é o de madeira. A explicação para o seu uso se deve ao fato de que esse tipo de fio costuma estar ou ser muito elétrico ou possuir frizz. Por isso, os dentes largos do pente de madeira facilitam na hora de pentear, além de deixar qualquer fio rebelde bem longe da sua cabeça.

LISOS E GROSSOS

Já para os fios mais grossos, o ideal é o pente de plástico. Eles são mais resistentes e com dentes mais abertos, facilitando o pentear e evitando que o cabelo quebre na hora que ele for passado. Ele é ótimo para fazer o topete pompadour, auxiliando a desfiar as mechas e deixando um volume nas madeixas.

CACHEADO

O cabelo cacheado precisa de uma atenção especial. Como ele não costuma ser penteado diariamente, pentes com dentes mais largos, como os de madeira, são a opção mais viável para desembaraçar os fios. Lembrando que, para arrumar os cachos, é preciso que o cabelo seja desembaraçado quando ainda estiver molhado, porque os fios são muito secos e podem acabar quebrando se não forem penteados logo após a lavagem.

CRESPO

Os diversos penteados que podem ser feitos com o cabelo crespo precisam do auxílio de um pente apropriado para isso. Os modelos perfeitos para esses fios são os pentes tipo jacaré e garfo. Os dois ajudam a desembaraçar os fios suavemente para que eles não quebrem e sem agredir o couro cabeludo. O garfo é ideal para quem quer manter o black power e o flat top bem estilosos.

Alergia na pele: como se barbear com o problema?


Fazer a barba pode ser uma tarefa não muito confortável para quem tem alergia na pele. Porém, existem formas de tornar o processo menos complicado para quem sofre com o problema. Em entrevista à Gillete, o médico dermatologista, Amilton Macedo atenta para a importância de se fazer as passadas no rosto com a lâmina de barbear na direção do crescimento dos pelos.
“Os homens de pele sensíveis e com tendência a alergia devem se barbear no sentido em que os pelos crescem e sempre verificar o corte da lâmina”, observa o profissional. Macedo também aponta a utilização da espuma ou gel de barbear durante a raspagem como ponto fundamental para garantir um barbear seguro e indolor para quem apresenta alergia na barba. “É muito importante o amolecer os pelos ante de barbear para facilitar sua remoção e sempre após o barbear deve fazer compressas com a água fria”, afirma.
Segundo o médico, é indicado ainda lançar mão de substâncias calmantes para minimizar as consequências da alergia na barba. Aliás, se tais soluções não representarem uma melhora significativa o homem deve procurar um consultório de dermatologia. “Você pode abusar do uso dos cremes calmantes, caso estas medidas não seja suficiente procurar a ajuda de um dermatologista”, explica.

ESFOLIAÇÃO E HIDRATAÇÃO

Outras maneiras de ajudar a tornar o barbear mais agradável é investindo na esfoliação e hidratação da pele, para manter a cútis sempre fresca e preparada para a próxima remoção dos pelos com o barbeador. Falando em aparelhos, você deve optar por um de boa qualidade e ficar atento à troca dos cartuchos, como meio de evitar que a lâmina fique gasta e prejudique a eficácia da raspagem no dia dia.

LÂMINA LIMPA

Ao longo das passadas com o barbeador no rosto também é primordial lavar a lâmina na água para não acumular pelos no aparelho, além de utilizar água quente para a remoção deles – isso porque a alta temperatura permite que os poros do rosto se abram. Depois de concluída a raspagem, os homens com alergia na pele não podem se esquecer do pós-barba, que cicatriza possíveis cortes e elimina potencialmente os riscos de você passar por qualquer desconforto posterior.

Aprenda 5 truques para fazer a barba crescer


Você olha para os lados e seus amigos ostentam volumosas e brilhantes barbas. E você? Nada.
Há séculos a barba é um símbolo de sabedoria e status, além de deixar o homem muito mais charmoso. Ela é tão importante que existe até um estudo de sua ciência batizado com o enigmático nome de “pogonologia”.
Mas por que justamente você foi amaldiçoado com tão pouca barba? Você pergunta aos deuses vikings o motivo de seu suplício terreno, mas o que resta é apenas silêncio. Calma, listamos algumas dicas para ajudar você a ter a barba dos sonhos:

1. Loções e produtos

Existem no mercado uma série de produtos que prometem ajudar os desprovidos de barba. Claro, que visitar um dermatologista é extremamente essencial, pois os resultados variam de acordo com o organismo de cada pessoa.
Óleo de barba: Composto por óleos naturais como semente de uva, amêndoas, jojoba, argan e mamona, possui grande poder nutritivo, além de hidratar, prevenir acne, a indesejada coceira e todos os problemas relacionados a barba, como a caspa, por exemplo. Existe na internet uma variedade de opções deste produto, basta escolher a que lhe agrada mais. Sua barba ficará forte, bonita e mais saudável.

2. Alimentação

Comer bem é importante até para o crescimento da barba. Não se esqueça que os pelos são proteínas, logo, colocar o nutriente na sua rotina é uma excelente dica, além de alguns outros alimentos que devem estar na sua dieta.
Proteínas: carnes magras, frango e peixes. Claro que vegetarianos também tem vez, veja uma lista completa de alimentos ricos em proteínas aqui e aqui.
Gorduras saudáveis: as gorduras saturadas também serão suas aliadas nessa missão. Nozes, ovos e peixes são bem-vindos, pois ajudam a elevar o seu nível de testosterona.
Vegetais folhosos: espinafre e couve ajudam a metabolizar o estrogênio (hormônio feminino) do seu corpo e dessa forma diminuem a sua presença.
Evite: comidas com alto teor de açúcar, pois são carentes de nutrição e vão deixar sua barba quebradiça.

3. Faça exercícios regularmente

Aposte em atividades de nível moderado e intenso, pois eles aumentam a circulação sanguínea e fazem com que a testosterona circule no seu corpo, chegando à pele e os pêlos. Para obter melhores resultados, combine exercícios anaeróbicos (musculação) e aeróbicos, como andar, pedalar ou correr. Se liga nesse treino aqui.

4. Suplementos e vitaminas

Invista em suplementos que possuam as vitaminas B6, C, E, beta-caroteno e linho. Mas antes, consulte um médico ou nutricionista para saber qual o mais indicado e a dosagem certa para você.

5. Manutenção do crescimento

Você deve aparar sua barba com certa frequência, isso estimula o crescimento. Barba curta, no máximo a cada duas semanas. Longas? De 3 em 3 semanas, ou uma vez a cada mês.

Rosto: dicas e cuidados para cada tipo de pele


Será que faz mal para a pele misturar produtos de marcas diferentes? A dermatologista Dra Valéria Marcondes responde essa dúvida e ainda ensina como cuidar da pele seca, oleosa e mista.
Neste mês chega o verão e cuidar da pele do rosto nessa época é importante para evitar manchas, rugas e câncer de pele. Mas como, se cada produto serve para um tratamento diferente e as marcas de dermocosméticos recomendam não misturar produtos de linhas diferentes nos cuidados com a pele do rosto?
O ideal seria, segundo as fabricantes, investir na linha inteira de uma determinada marcar para cuidados com limpeza, esfoliação, tonificação e hidratação, pois são formulados para uma sequência. Mas isso é verdade ou uma estratégia de marketing? “Se todas as linhas tivessem sabonetes com ingredientes não irritantes e abrasivos, tônicos sem grandes quantidades de álcool e principalmente hidratantes com conservantes como parabenos, esse princípio até poderia valer. Mas todas as linhas possuem bons e maus produtos e precisamos ficar sempre atentos às formulações”, afirma a dermatologista Dra Valéria Marcondes.
De acordo com a médica, não é incomum encontrar marcas com ótimos hidratantes e fotoprotetores inadequados, ou linhas com sabonetes irritantes e máscaras altamente hidratantes.
Do mesmo modo que você não usa roupas de apenas um estilista ou toma remédios somente de uma indústria farmacêutica, o mesmo deve ser feito com os produtos da sua pele, segundo a dermatologista. “Para ter sucesso na rotina skincare, é necessário selecionar o que funciona melhor para seu tipo de pele e necessidade. Por isso, a mistura é necessária muitas vezes. Usar apenas uma linha não garante que seu tratamento será efetivo”, conta.
Mas, afinal, como escolher o melhor produto para o seu rosto? A dermatologista explica pelas características da pele:

Pele oleosa

Bastante comum no Brasil, esse tipo de pele tem tendência a ter acne, conta com poros dilatados, brilho em excesso e aspecto mais congestionado. “É aquela pele em que o paciente sente que forma cravos com muita facilidade e há uma dificuldade de controlar o brilho, porque as glândulas produzem gordura com facilidade”, afirma Valéria.
O sabonete para esse tipo de pele deve ser preferencialmente líquido e usado obrigatoriamente de duas até três vezes ao dia. “Os sabonetes devem ser aqueles com extratos controladores de oleosidade e podemos usar ácido salicílico ou glicólico”, conta.
A loção tônica adstringente vem logo em seguida e pode conter álcool, pela sua atividade secativa, mas não pode passar de 5% da formulação para não ser irritativo. “Essa pele precisa ser hidratada na sequência, com produtos oil control e que proporcionam efeito mate. Mas não podemos deixar de hidratá-la, para não causar o rebote – que ocorre quando deixamos a pele seca demais e há uma reação compensatória do organismo para repor esse filme gorduroso com mais oleosidade”, comenta.
Geralmente os hidratantes são indicados em séruns, loções com oil control, oil free, ou na forma de gel. “Essa pele deve receber fator de proteção solar acima de 30 e esse filtro solar deve ter toque seco”, conta. Em relação à noite, repete-se a higienização do dia e em alguns casos pode ser necessário o uso de ácidos como retinoico ou substâncias como peróxido de benzoíla.

Pele seca

Este tipo tem deficiência em produzir gordura de boa qualidade, os famosos ácidos graxos ou ômegas, que também formam a membrana hidrolipídica, que reveste o tecido e proporciona aparência luminosa. “A pele seca tem uma característica de ser mais áspera, mais sensível e, às vezes, ficar mais avermelhada, além de apresentar tendências a ter rugas mais precoces”, afirma a médica.
Para limpeza, a médica indica as loções, sabonetes cremosos, emulsões ou os sabonetes líquidos à base de extratos calmantes e sem agentes agressores. No geral, essa pele deve evitar a esfoliação e investir em tônicos calmantes hidratantes à base de fatores de hidratação e de aminoácidos, e sem álcool. “Os hidratantes podem ser mais robustos, em veículos mais cheios de lipídios, e devem ter a capacidade de segurar a água na pele e contar com alguns lipídios na formulação para ajudar a formar a membrana hidrolipídica”, diz Valéria.
Principalmente esse tipo de pele não pode esquecer do creme específico para a região da área dos olhos. “Assim que a pele foi hidratada, deve-se esperar alguns minutinhos para passar o fotoprotetor, que deve ser diário. Deve também receber filtros solares com índice normalmente acima de 30, com textura mais cremosa”, explica. À noite, após a limpeza e tonificação, é importante utilizar hidratantes nutritivos, segundo a médica.

Pele mista

Trata-se de uma combinação de áreas mais ressecadas e áreas mais oleosas; a pele mista tem a zona T mais oleosa (testa, nariz e queixo), porque é onde se apresentam as glândulas sebáceas. “No caso da pele mista, a higienização também é com o sabonete líquido e posso usar uma loção tônica adstringente na região da zona T. No restante do rosto, a hidratação deve ser feita usando séruns, loções mais leves, produtos ricos em segurar a molécula de água na pele, sem esquecer a fotoproteção que também pode ser com os BB, CC creams, ou simplesmente o filtro solar sobre um bom hidratante”, afirma Valéria.
E à noite, o paciente deve lavar o rosto novamente, tonificar a pele, dando maior atenção à região da zona T e, dependendo da faixa etária do paciente, ele pode usar a vitamina C, os derivados de vitamina A, ácido retinóico, alfa hidroxiácidos e beta hidroxiácidos.

DICA PROJETO VERÃO